BLUES TO THE LORD - CHURCH
...............................................
... Respostas
Perguntas e Respostas Bíblicas EvangélicasHome[x]

Tamanho da letra:  Diminuir [-]  Aumentar [+]            Imprimir somente o texto   

Pergunta e Resposta Bíblica Evangélica 018:

A Igreja Evangélica ou, um crente individualmente, devem buscar amparo legal para agir contra possíveis abusos de declarações da imprensa ou outra pessoa qualquer, que mancham, denigrem, difamam, ofendem a sua reputação (da Igreja Evangélica) .. etc ... etc?

Resposta:

Poderia responder de modo simples, conforme a simplicidade da Palavra de Deus e encerrar o assunto, baseado na passagem de 1 Pedro 3:14, que diz: " Mas também, se padecerdes por amor da justiça, sois bem-aventurados ... "

Mas, um pouco antes dessa passagem, no capítulo 2, versículos 18 em diante, diz:
"Vós, servos, sujeitai-vos com todo o temor aos senhores, não somente aos bons e humanos, mas também aos maus. Porque é coisa agradável, que alguém, por causa da consciência para com Deus, sofra agravos, PADECENDO INJUSTAMENTE. Porque, que glória será essa, se, PECANDO, sois esbofeteados e sofreis, mas se, FAZENDO O BEM, sois afligidos e sofreis, isso é agradável a Deus. Porque para isto sois chamados, pois também Cristo padeceu por nós deixando-nos o exemplo, para que sigais as suas pisadas ... " (Meus destaques)

E, muitas outras passagens bíblicas, da Palavra de Deus, que, nos foram deixadas por homens inspirados pelo Espírito Santo, para que, andássemos como imitadores de Cristo. (Oportuna a leitura dessas duas cartas do apóstolo Pedro para ampliar a compreensão do que está sendo exposto agora)

É emergente escrever sobre isso porque há um alarde dentro do meio evangélico de que o crente deve entrar na justiça para "buscar seus direitos" quando entender ofendido na sua honra ou ter a sua moral atacada por qualquer meio, principalmente a imprensa.

Aquele que se diz cristão, crente evangélico, tem apenas um Deus e Pai e um Salvador, o Senhor Jesus e, a Palavra de Deus é o único alimento e regra de fé, que ensina, consola e exorta, edificando um filho de Deus e, num contexto maior, a Igreja de Jesus Cristo.

Acima, lemos que, se somos afligidos, PADECENDO INJUSTAMENTE, porque FAZENDO O BEM, isso é glórias a Deus, estejamos felizes com isso. Parece loucura isso, não é? Mas é assim a verdade de um filho de Deus. Sabe por quê? Olhe para você mesmo. Somente por causa da graça e imerecidamente você recebe a salvação da sua alma. Quem fez justiça para isso? Você tinha direito à alguma coisa? Ainda, na cruz, Jesus disse: "Pai, perdoa porque eles não sabem o que fazem." Eu e você estávamos ali, também, condenando Jesus à cruz. Mas, recebemos o perdão que não merecíamos.

Você pode perguntar: "Mas o que isso tem a ver com a pergunta que foi feita no início?" - TUDO!

Jesus Cristo, por ser sem pecado e Filho de Deus, poderia, como ele mesmo disse, clamar ao Pai que enviaria legiões de anjos e acabaria com tudo isso ... Mas, justiça real que só Deus tem não se faz assim.

Jesus, o próprio Filho de Deus, sofreu o que nenhum ser humano jamais sofreu ou sofrerá. Se você já leu o texto sobre a * tentação de Jesus no deserto e como se identifica um diabo, sabe que, o Santo de Deus, foi julgado por Satanás segundo a justiça deste mundo. Em Jesus Cristo não havia injustiça ou pecado.

Mas, o tempo passou ...

Hoje, para dizer que o crente ou a Igreja chamada evangélica, estejam PADECENDO INJUSTAMENTE, porque estão FAZENDO O BEM, a Palavra de Deus deve ser consultada.

O que mais tem acontecido nos últimos tempos são fatos notadamente criminosos ou escândalos dentro das Igrejas evangélicas e, para um fato ocorrido, há uma notícia.

Não estou aqui pretendendo defender a imprensa ou outra pessoa qualquer que esteja, possivelmente, abusando de suas funcionalidades, mas estou, colocando os a contecimentos diante da Palavra de Deus e não diante de "opiniões de homens de Deus" ou formadores de opiniões dentro de igrejas evangélicas com seus rebanhos.

ENTENDA ISSO:
Se a Igreja de Jesus Cristo cuidasse do que a Palavra diz, e, em todas as coisas, honrasse seus compromissos legais e sociais, andando com simplicidade, retidão e honra real (não aparente), CERTAMENTE, ninguém teria o que falar e, se falasse, CERTAMENTE, seria injustiça.

Mas, por muitas razões "carnais", terrenas e diabóblicas, a Igreja chamada evangélica desviou e, AGORA, para "parecer santa" diante do povo interno e externo, busca, na lei dos homens, a inútil honra aparente.

Para fazer valer essas "honras aparentes" diante do povo, há a necessidade de muitas estratégias humanas, usando todos os tipos de meios para que as mensagens "adequadas" cheguem aos ouvidos. E, o povo, na maioria das vezes, "acredita" ou fica em dúvida conforme a eficácia da informação manipulada.

Essa guerra com a imprensa acabaria se a Igreja tomasse sua posição diante da Palavra de Deus, pois, enquanto houver FATO que mostre as coisas ilegais com pessoas que se dizem evangélicas, a imprensa nada faz além do que lhe é de funcional, ou seja, dar a notícia.

Quando a legislação é invocada com alarde de que "falam sem provas" ... estão perseguindo a igreja ... isso faz parte de estratégias. Aí surgem os advogados que serão pagos com dinheiro da Igreja (povo) para defender em algo que foi crime e pecado ...

Quando você observou os políticos nos escândalos do mensalão e tantos outros e, hoje, observa os de dentro da Igreja chamada evangélica em seus argumentos, naturais e legais, quando ocorre escândalo, você não vê diferença. A única expressão que os da igreja acrescentam é: é o inimigo perseguindo a igreja.

Se você atentar, verá que, os de fora, acusam os da igreja, naquilo que a Palavra diz que deveria ser e não se faz, ou seja, os de fora, cobram da Igreja aquilo que ela prega!!!
- A igreja prega honestidade? Por que tantos corruptos e desonestos enganadores dentro da igreja, dos líderes aos membros?
- A igreja prega humildade e dar dinheiro aos pobres? Por que tanto líder avarento, soberbo, milionário que, para sustentar seu luxo depende do sacrifício dos mais pobres?
- A igreja prega simplicidade nos trajes? Por que tanta sensualidade e esnobismo, promovendo grifes?
- A igreja prega que o inimigo só está lá fora? E o líder, obreiro ou membro desonesto, lobo ... ele é o quê?

Se, os de dentro da Igreja vivessem a Palavra de Deus, os lobos, corruptos, mercenários, mercadores da fé, aproveitadores sensuais, mentirosos ... não teriam espaço e estariam fora do meio chamado evangélico. A Palavra de Deus diz que não se deve sentar à mesa com esses, mas, hoje, eles são os "cabeças" nas mesas.

E, se esses enganadores, são removidos das igrejas, simplesmente abrem outro ministério conforme "seu espírito", usando a expressão "Evangélico" e "Jesus Cristo".

A Igreja ou ministérios que são honrados deveriam denunciar dentro do Corpo de Cristo tais lobos, mas, por covardia e até conivência, calam-se com o jargão: "É a casa de outro e não é problema meu".

Mas, o enganador está usando o nome de Jesus Cristo e associa a casa dele com a sua, porque o que vincula é o nome de Jesus Cristo e a expressão "evangélico".

Se a justiça dos homens chegou e começou questionar e encontrou muita coisa errada dentro do meio evangélico, contrário à legislação e contrário à Bíblia, então, o mínimo que os líderes deveriam fazer era confessar o pecado e recompor o que foi feito errado.

Mas, se as coisas estiverem sendo conduzidas de forma "legal", ou seja, em juízo, colocar tudo em dúvida para que a verdade não seja confirmada ou encontrada, o erro será alimentado e, certamente, novos escândalos continuarão surgindo.

Se as coisas estiverem sendo conduzidas por homens que se dizem de Deus, mas são lobos e mercenários enganadores que não se arrependem e nem se ratratam diante de Deus e dos homens conforme um verdadeiro crente agiria, então, a lei dos homens é o caminho ideal para buscar sustentação de uma honra aparente ou falsa honra.

Não estou entrando em detalhes de como os bastidores funcionam e de todas as hipóteses de possíveis manipulações e explorações de pessoas influentes nesse "grande negócio político-financeiro" chamado Igreja evangélica.

Não se iluda quando um líder evangélico, em pregações, disser que a revista ou o jornal tal foi condenado por causa de publicações de alguma matéria que tenha ofendido a imagem da igreja.

A condenação dada por um juiz humano para aqueles que possivelmente tenham agido ilegalmente contra a igreja, não absolve a mesma igreja diante de Deus.

Conclusão:
Se a Igreja chamada evangélica, estiver PADECENDO INJUSTAMENTE, porque está FAZENDO O BEM, glórias a Deus por isso e, isso, é honra real que nenhuma justiça humana pode considerar, ou seja, crente não vai em tribunal humano buscar seus direitos porque a honra do crente é outra. Tribunal humano é para julgar as coisas entre os naturais.

Entretanto:
Se a Igreja chamada evangélica, estiver PADECENDO JUSTAMENTE, porque está FAZENDO O MAL, não há glórias a Deus por isso e, qualquer honra que buscar nos tribunais pela lei humana, será apenas honra aparente.

Crente que entra em tribunal humano, por causa de crime comum previsto na legislação, e é condenado, o mundo cumpriu o seu papel, não houve perseguição de "inimigo" pois crente deveria ser exemplo de honestidade e retidão para dar honra à Igreja.

Resposta: Sergio Luiz Brandão

· Estudos Bíblicos Evangélicos - Apresentação
· Estudos Bíblicos Evangélicos - Índice
· Livros Online - Estudos Bíblicos Evangélicos
· Mensagens Bíblicas Evangélicas - Relevantes
· Mensagens Bíblicas Evangélicas - Áudio
· Falsas Doutrinas Evangélicas
· Perguntas e Respostas Bíblicas Evangélicas
· Cânticos Livres
· Cânticos Livres - Download MP3
· Deus Pai tem uma Lágrima
· História "BLUES TO THE LORD - CHURCH"
· Jornada pela Liberdade - Igreja nos Lares
· Eu Não Sou Mais Presbítero
· Formulário - Contato
· Receber Informativos
· Formulário - Indicar Site
· Cancelar Recebimento de Informativo
· Política de Privacidade
· Ofertas voluntárias: Sergio Luiz Brandão - Banco Itaú - Agência 0740 - Conta Corrente 12094-4
BLUES TO THE LORD - CHURCH - Brasil - São Paulo - Site Evangélico - 2004 ...
www.blues.lord.nom.br