BLUES TO THE LORD - CHURCH
...............................................
... Respostas
Perguntas e Respostas Bíblicas EvangélicasHome[x]

Tamanho da letra:  Diminuir [-]  Aumentar [+]            Imprimir somente o texto   

Pergunta e Resposta Bíblica Evangélica 046:

Qual o significado do Evangelho de Mateus, capítulo 5, versículo 29:
" Portanto, se o teu olho direito te escandalizar, arranca-o e atira-o para longe de ti; pois te é melhor que se perca um dos teus membros do que seja todo o teu corpo lançado no inferno. "

Qual o significado do Evangelho de Mateus, capítulo 5, versículo 20:
" Porque vos digo que, se a vossa justiça não exceder a dos escribas e fariseus, de modo nenhum entrareis no reino dos céus."

Devo, literalmente, arrancar o meu olho carnal?

Resposta:

Vamos navegar na Palavra de Deus.

Antes, convém acrescentar algumas passagens anteriores e posteriores a estes versículos do Evangelho de Mateus para abranger o entendimento conforme a interpretação revelada. As perguntas pertencem ao mesmo contexto que o Senhor Jesus Cristo está tratando.

Evangelho de Mateus 5:17 - 20
" 17. Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas: não vim abrogar, mas cumprir.
18. Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem, nem um jota ou um til se omitirá da lei, sem que tudo seja cumprido.
19. Qualquer, pois, que violar um destes mandamentos, por menor que seja, e assim ensinar aos homens, será chamado o menor no reino dos céus; aquele, porém, que os cumprir e ensinar será chamado grande no reino dos céus.
20. Porque vos digo que, se a vossa justiça não exceder a dos escribas e fariseus, de modo nenhum entrareis no reino dos céus."

Continuando, versículos 21 em diante:
" 21. Ouvistes que foi dito aos antigos: Não matarás; mas qualquer que matar será réu de juízo.
22. Eu, porém, vos digo que qualquer que, sem motivo, se encolerizar contra seu irmão, será réu de juízo; e qualquer que disser a seu irmão: Raca, será réu do sinédrio; e qualquer que lhe disser: Louco, será réu do fogo do inferno.
23. Portanto, se trouxeres a tua oferta ao altar, e aí te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti,
24. Deixa ali diante do altar a tua oferta, e vai reconciliar-te primeiro com teu irmão e, depois, vem e apresenta a tua oferta.
25. ...
27. Ouvistes que foi dito aos antigos: Não cometerás adultério.
28. Eu, porém, vos digo, que qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela.
29. Portanto, se o teu olho direito te escandalizar, arranca-o e atira-o para longe de ti; pois te é melhor que se perca um dos teus membros do que seja todo o teu corpo lançado no inferno.
30. E, se a tua mão direita te escandalizar, corta-a e atira-a para longe de ti, porque te é melhor que um dos teus membros se perca do que seja todo o teu corpo lançado no inferno.
( ...) "

O Senhor Jesus diz que não veio abrogar a lei e, sim, cumprir.
Entretanto, quando lemos as passagens aqui destacadas, Jesus diz: " Ouvistes que foi dito aos antigos ...", e, em seguida, diz: " Eu, porém, vos digo ...", certo que, há diferença na interpretação literal e na interpretação revelada, conforme apresenta o Senhor Jesus, alterando a forma de compreender as coisas escritas no Velho Testamento.

O Senhor Jesus apresenta a versão do mandamento da lei, usando a expressão " Ouvistes que foi dito aos antigos ..." e, em seguida, apresenta a revelação da verdade conforme o espírito do homem e suas intenções, e, a interpretação revelada que está embutida na lei, dizendo: " Eu, porém, vos digo ...".

Não é pela aparência das coisas e nem por rituais sistemáticos que a verdade é conhecida e entendida pelo Senhor Deus e Pai e nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.

A revelação ou a interpretação revelada apresentada pelo Senhor Jesus não está anulando a lei, está cumprindo a lei.
A diferença está na sua revelação pelo Espírito Santo, com significado de verdades espirituais imutáveis.

O versículo 21 está falando sobre homicídio, matar fisicamente, com a pena, réu de juízo.
A pena da lei para o homicida está em Êxodo 21:12 em diante.
O Senhor Jesus já mostra que, o homicídio não é consumado no ato físico.
Da mesma forma, o adultério, logo a seguir no texto. Não se consuma no ato físico, mas, no espírito.

Nisso, o Senhor Jesus já está interpretando a lei pela revelação do Espírito e suas verdades espirituais imutáveis, que não são manifestadas no campo do natural, do aparente, mas, no espírito. Assim, toda a Bíblia tem uma interpretação revelada que é a interpretação para a edificação e constituição da verdadeira Igreja do Senhor Jesus Cristo.

A Igreja do Senhor Jesus Cristo não pode ser edificada pela interpretação literal da Bíblia, e, por causa desse mal para a perdição, decorre a insistência do Apóstolo Paulo para determinar a impossibilidade de misturar lei e graça. São as Sombras das Coisas Futuras, ocultas e que dependem de interpretação revelada para a edificação da igreja que vive pela graça de Cristo.

Os da lei, sem o Espírito de Deus, não aceitam a revelação, por isso Jesus Cristo foi crucificado no passado e, nos dias atuais, negado, anulado e pisado diante de falsas doutrinas que vivem pela lei sem interpretação verdadeira.

Hebreus 10:28,29, diz:
" Quebrantando alguém a lei de Moisés, morre sem misericórdia, só pela palavra de duas ou três testemunhas.
De quanto maior castigo cuidais vós será julgado merecedor aquele que pisar o Filho de Deus, e tiver por profano o sangue do testamento, com que foi santificado, e fizer agravo ao Espírito da graça. "

Uma igreja que se diz de Jesus Cristo, mesmo pregando e ensinando a Bíblia, se edificar baseada na lei do Velho Testamento, exigindo cumprimento da lei, fica debaixo da sentença que essas leis determinam, ou seja, se matar, deve morrer, se adulterar, deve morrer, se não entrega dízimo, a maldição eterna está sobre a pessoa e sua casa, além de ser chamado de ladrão e perder a salvação da alma, salvação esta que foi dada, unicamente, pela fé e graça, em Jesus Cristo, o Senhor e Salvador.

Isso é a lei, isso não é a graça. Isso, é Bíblia sem interpretação conforme o Senhor Jesus ensina.

Quem vive debaixo da lei do Velho Testamento deve cumprir toda a lei. (Gálatas 5:3; Tiago 2:10)
Se cumpre um item da lei, deve cumprir todos e, pela lei viverá, pois, da graça caiu. Se, da graça caiu, quer dizer, Cristo para nada serviu ou serve, pois, vive por outra justiça, não a de Cristo. (Ver carta aos Gálatas)

Gálatas 3:10, diz:
" Todos aqueles, pois, que são das obras da lei estão debaixo da maldição; porque está escrito:
Maldito todo aquele que não permanecer em todas as coisas que estão escritas no livro da lei, para fazê-las. "

É imprescindível entender a interpretação revelada que os apóstolos tinham dos fatos e escritos do Velho Testamento.
Se, o texto seguinte de Gálatas 4:21 - 31, ficasse na dimensão da interpretação natural, pela letra, teríamos apenas um fato histórico compreendido dentro da miserável limitação do entendimento humano.

Disso decorre o fato do surgimento de muitos doutores, segundo a letra, que dizem proclamar e ensinar o evangelho da graça, mas, são doutores segundo a letra. Esses estudiosos, segundo a letra, apresentam seus arrazoados científicos, julgando fatos históricos e a conduta de homens e mulheres de Deus, sem conhecimento da real verdade que pertence somente ao Deus Altíssimo, somente revelada pelo seu Santo Espírito.

Disso decorre, também, o absurdo de analisarem e avaliarem até a conduta e comportamento de Deus, como se pudessem colocar Deus em um divã de seus gabinetes e procederem à uma análise e em seguida escreverem sobre a "psicologia de Deus". Absurdo! Deus é Santíssimo e é Deus, Deus não é homem.

Agora, tomemos apenas este texto bíblico e, façamos a pergunta:
Como o apóstolo Paulo entendeu esse fato que, aparentemente, era apenas um, de tantos outros do contexto histórico?

Carta do apóstolo Paulo aos Gálatas, capítulo 4, versículos 21 ao 31, diz:
" 21. Dizei-me, os que quereis estar debaixo da lei, não ouvis vós a lei?
22. Porque está escrito que Abraão teve dois filhos, um da escrava, e outro da livre.
23. Todavia, o que era da escrava nasceu segundo a carne, mas, o que era da livre, por promessa.
24. O que se entende por alegoria; porque estas são as duas alianças; uma, do monte Sinai, gerando filhos para a servidão, que é Agar.
25. Ora, esta Agar é Sinai, um monte da Arábia, que corresponde à Jerusalém que agora existe, pois é escrava com seus filhos.
26. Mas a Jerusalém que é de cima é livre; a qual é mãe de todos nós.
27. Porque está escrito: Alegra-te, estéril, que não dás à luz; Esforça-te e clama, tu que não estás de parto; Porque os filhos da solitária são mais do que os da que tem marido.
28. Mas nós, irmãos, somos filhos da promessa como Isaque.
29. Mas, como então aquele que era gerado segundo a carne perseguia o que o era segundo o Espírito, assim é também agora.
30. Mas que diz a Escritura? Lança fora a escrava e seu filho, porque de modo algum o filho da escrava herdará com o filho da livre.
31. De maneira que, irmãos, somos filhos, não da escrava, mas da livre. "

Agora, para nós, nos dias de hoje ...
Gálatas 4:30, diz:
" Mas que diz a Escritura? Lança fora a escrava e seu filho, porque de modo algum o filho da escrava herdará com o filho da livre. "

Isso significa: Lança fora a igreja que anda pela lei (escrava) e seu filho (os que nascem dela).
A igreja escrava (da lei), não herdará com a igreja livre (da graça em Jesus Cristo).

Os mais dominantes são: Dízimos e Guardar o Sábado, entre outras falsas doutrinas de homens e de demônios.

Não ter herança, significa: não herdará o reino dos céus, ou, não terá salvação.

Os apóstolos, para a edificação da igreja tinham a interpretação revelada, mas, essa interpretação foi progressivamente perdida no tempo, por isso, nos dias de hoje, confusão, com mistura de catolicismo romano, judaísmo, espiritismo, no meio que se diz evangélico, com a maioria das igrejas que se dizem evangélicas, vivendo debaixo do jugo da justiça da lei, rituais pagãos, culto a demônios, exaltação de homens-ídolos intocáveis, sessões espíritas e, não segundo Cristo e a doutrina dos apóstolos (doutrina dos apóstolos é a doutrina de Cristo).
Evangelho de João, 10:1, diz:
" Na verdade, na verdade vos digo que aquele que não entra pela porta no curral das ovelhas, mas sobe por outra parte, é ladrão e salteador. "

Quando vemos na Bíblia os fatos onde Deus determina juízo com mortes, individuais ou coletivas, até de povos, isso, para nós, hoje, diz respeito aos mortos espirituais, aqueles que já estão debaixo da condenação, inclusive para aqueles que se dizem evangélicos.

Pode-se matar um irmão removendo a fé em Cristo e apresentando um falso caminho para a fé.
Pode-se matar alguém fazendo viver pela lei do Velho Testamento para justificar-se. (Gálatas)

Pode-se adulterar contra Cristo, desejando e cobiçando uma "igreja" onde a glória aparente está visível e, diante da Palavra de Deus, prostituíram a Palavra. Veja os falsos evangelhos de Cristo, tipo "evangelho da prosperidade", trata-se de "outra igreja", é outra mulher (figura da igreja), com a qual querem ter relações de prostituição, corrompendo a verdade de Cristo e ensinando prostituição e traição ao Cordeiro de Deus.

Pode-se adulterar contra Cristo, saindo da graça e voltando para a lei. (Gálatas novamente + Romanos 7)

A morte real é a morte no espírito, a morte para a perdição eterna, a perdição da alma sem salvação.

Versículo 29, "...se o teu olho direito te escandalizar, arranca-o e atira-o para longe de ti;..."
Isso quer dizer: Não arrancar o olho literalmente, mas, se um membro do corpo (Corpo de Cristo) escandaliza, para que não se perca todo o corpo, remove-se o membro do Corpo.

Isso pode ser remover uma pessoa do meio dos irmãos (os irmãos reunidos é o corpo de Cristo) ou, até, várias igrejas que se dizem evangélicas, um ministério que se diz evangélico, por causa dos escândalos, ser removido do corpo. Entende a dimensão da proporção quando implica "um membro do corpo"?

Individualmente, um membro, uma pessoa, tem uma "função" no Corpo de Cristo, pelo chamado, vocação, dons ...
Em grupos, um ministério, desempenha uma "função" ampla ou específica no Corpo de Cristo, sendo considerado membro, mesmo sendo um grupo.

Muitos os chamados, poucos os escolhidos. Bons e maus serão separados, uns para salvação e outros para a perdição, e todos estavam na mesma rede. Essa rede é onde estão os que se dizem de Deus, lançar a rede é o Evangelho pregado, recolhendo os peixes, dos quais, haverá uma separação entre os que são e os que não são de Deus. ( Mateus 13:47 - 50)

Isso ocorre quando Deus remove sua graça e reprova uma pessoa, um ministério inteiro, uma congregação.
Pode até continuar parecendo crente, mas, os fatos vão mostrando que foi reprovado e cortado do Corpo por causa dos escândalos, doutrina, conduta e falta de graça diante de Deus.

Desse quadro decorre a dimensão extrema da justiça de Cristo estar muito além da doutrina dos escribas e fariseus que interpretavam somente na dimensão da letra. Não resolverá parecer ser crente. Não resolverá decorar a Bíblia e ter diploma de teólogo. Não resolverá ter dinheiro e comprar bênçãos de injustiça. Não resolverá ter um império com milhares de prédios de igrejas em todo o mundo. Não resolverá ter milhões de dólares investidos em todo o tipo de mídia. Não resolverá viver pelo falso evangelho de um falso Cristo. Não resolverá fazer sucesso com bandas gospel e arrecadar milhões vendendo CDs. Não resolverá, nos eventos evangelísticos, trazer uma rede cheia ... de mortos.

Compreende isso?

Nem arrancar os olhos e nem cortar as mãos, pelo modo natural, porque, o que já aconteceu, acontece, e, ainda acontecerá, não pode e nem poderá ser conhecido, compreendido e discernido pelo que é aparente.

Salmo 25:14, diz:
" O segredo do SENHOR é com aqueles que o temem; e ele lhes mostrará a sua aliança. "

Resposta: Sergio Luiz Brandão

· Estudos Bíblicos Evangélicos - Apresentação
· Estudos Bíblicos Evangélicos - Índice
· Livros Online - Estudos Bíblicos Evangélicos
· Mensagens Bíblicas Evangélicas - Relevantes
· Mensagens Bíblicas Evangélicas - Áudio
· Falsas Doutrinas Evangélicas
· Perguntas e Respostas Bíblicas Evangélicas
· Cânticos Livres
· Cânticos Livres - Download MP3
· Deus Pai tem uma Lágrima
· História "BLUES TO THE LORD - CHURCH"
· Jornada pela Liberdade - Igreja nos Lares
· Eu Não Sou Mais Presbítero
· Formulário - Contato
· Receber Informativos
· Formulário - Indicar Site
· Cancelar Recebimento de Informativo
· Política de Privacidade
· Ofertas voluntárias: Sergio Luiz Brandão - Banco Itaú - Agência 0740 - Conta Corrente 12094-4
BLUES TO THE LORD - CHURCH - Brasil - São Paulo - Site Evangélico - 2004 ...
www.blues.lord.nom.br